Tendências para vendas e marketing B2B

 

O mundo das vendas e marketing está se movimentando rapidamente graças a todas as recentes mudanças causadas pela inovação tecnológica. Das mídias sociais e nuvem às transmissões interativas e analytics detalhados sobre o comportamento dos consumidores, as áreas de marketing e vendas estão se transformando consideravelmente. O digital também adicionou inúmeros canais à jornada de compra, que se tornou mais complexa, assim como o marketing B2B de forma geral.

Mas com tantas tecnologias e tendências, pode ficar difícil saber para onde olhar e o que priorizar. Como 2018 se aproxima, é hora de começar a se familiarizar com as principais tendências para as áreas de vendas e marketing B2B.

 

E-mails personalizados vão além de “Olá, [nome]”

Estudos apontam que e-mails com assuntos personalizados têm 26% a mais de chance de serem abertos. Mas esse conceito de personalização é mais amplo do que apenas criar alguns campos de customização básicos. Consumidores potenciais sabem quando essas tentativas não são legítimas e quando são realmente individualizadas.

Para ter sucesso, é preciso usar técnicas mais sofisticadas, como conteúdos dinâmicos ou dados de comportamento coletados do engajamento dos consumidores com a marca. Alterar o conteúdo do e-mail com base em fatores como localização geográfica ou a última interação que o indivíduo teve com a sua empresa, pode fazer com que as mensagens pareçam mais relevantes e verdadeiramente pessoais – e já existem ferramentas que suprem essa demanda.

 

Construa estratégias para cada cliente

Não há muito tempo, estratégias de marketing e vendas eram construídas campanha a campanha, com base nos objetivos de vendas das organizações. Sim, é importante entender os objetivos gerais de uma campanha e nem todo consumidor B2B é o mesmo. O que funciona para um pode ser ineficaz para outro.

As soluções de marketing e vendas de hoje permitem aos profissionais usar micro segmentações para desenvolver uma campanha estratégica para cada cliente – e até para cada executivo da empresa. Tendo em mãos dados sobre a hierarquia organizacional da companhia e seus tomadores de decisão, profissionais de vendas e marketing podem facilmente customizar campanhas para cada contato relevante. Atualmente, há ferramentas que agrupam prospects e clientes em audiências específicas, dentro de diversos nichos de mercado, para aumentar drasticamente a relevância dos esforços da campanha.

 

LEIA MAIS: SEGMENTAÇÃO DE CLIENTES EM MERCADOS B2B

 

Gerencie corretamente uma força de trabalho jovem

Tecnologias de marketing digital de ponta nem sempre estão focadas em seus objetivos de vendas. Às vezes, seus esforços precisam ser direcionados para dentro. Os avanços tecnológicos estão mudando, assim como os profissionais de marketing e vendas.

Millenials, por exemplo, esperam que seus gestores lhes propiciem uma boa experiência de trabalho. Eles querem saber o tempo todo se estão indo bem e como podem fazer melhor. Considere procurar plataformas de gerenciamento de vendas que incluam recursos de feedback e gestão de carreira para motivar esses jovens a alcançar mais, adquirir melhores habilidades e se sentirem orgulhosos – tanto sua performance quanto pela organização que representam.

 

Experimente transmissões ao vivo

O Content Marketing, ou Marketing de Conteúdo, que está no coração da maior parte das campanhas hoje, não é apenas sobre publicar posts em blogs. Vivemos na era do vídeo e até as menores companhias B2B não deveriam ter medo de produzir seus próprios materiais audiovisuais.

Há uma grande variedade de formas para usar esse recurso, como em entrevistas com clientes ou executivos da empresa, demonstrações de produtos e serviços, entre outras. Para ter um maior impacto, considere fazer transmissões ao vivo, especialmente em seus canais nas mídias sociais. Segundo dados do próprio Facebook, as pessoas passam três vezes mais tempo assistindo a vídeos ao vivo em comparação com materiais gravados e são 10 vezes mais propensas a comentar nessas transmissões.

O vídeo ao vivo cria uma sensação de urgência e entusiasmo entre os seguidores, é fácil de usar e permite às organizações se envolverem com conteúdos orgânicos, espontâneos e relevantes para o momento.

 

Conteúdo interativo

No centro dos esforços de marketing digital está o seu site. É para onde seus e-mails direcionam e onde seu blog está. Tornar esse espaço mais interativo pode atrair mais prospects e reter a atenção desse público por mais tempo. Por exemplo, ao invés de criar um site estático com todos os componentes do seu produto ou serviço, peça aos visitantes que escolham os recursos mais importantes para eles (em essência, eles construirão virtualmente para você o produto que é ideal para eles).

Com base nos inputs recebidos, é possível entregar a esses visitantes informações e conteúdos pertinentes às suas necessidades. A boa notícia é que não é necessário redesenhar o seu site inteiro para que ele seja mais interativo. Com algumas linhas de código nas páginas já existentes é possível proporcionar uma experiência sofisticada e interativa ao usuário.

 

Resumindo, uma das grandes premissas do marketing digital hoje é virar suas campanhas do avesso com ações personalizadas. Ao invés de empurrar os clientes para onde você deseja, em 2018 permita que eles guiem a sua empresa para onde querem ir.

 

LEIA TAMBÉM:

3 INSIGHTS DE MARKETING E VENDAS B2B PARA EMPRESAS DE TECNOLOGIA

FOCO NO CLIENTE OU FOCO NO SUCESSO DO CLIENTE?

 

Fontes:

6 top tech trends in B2B sales and marketing – B2B Marketing

7 Key Trends Determining the Future of B2B Marketing – LinkedIn Marketing Solutions Blog

 

 

 

 

Escrever um comentário